Ultimas Matérias Cadastradas
CONHECIMENTO.
19:56:32 27/11/2011
Jesus dizia, pois, aos judeus que criam nele: Se vós permanecerdes na minha palavra, verdadeiramente, sereis meus discípulos e conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará. (Bíblia Sagrada) Joã.8: 31 – 32.


   

     CONHECIMENTO.

 

P 01

Conhecimento, algo que muito pode beneficiar a toda criação e, não só a humanidade, no entanto a falta do mesmo pode em muito danificar toda criação e, até mesmo o seu habitat natural. Pois se nós olharmos com atenção para o Globo Terra, veremos o desespero do pessoal ligado à área científica vendo a depredação do mesmo e, isso muitas vezes por falta de conhecimento. Muito especialmente da humanidade, que se julga, dotada de inteligência. Aliás, se prestarmos atenção veremos que a falta de conhecimento, vem em todo tempo destruindo a criação em todos os segmentos. Se nós olharmos para a história universal veremos isso, porém se olharmos para a história dos hebreus (a História Sagrada) que tem uma ligação bem estreita com o nosso Criador, não veremos só os acontecimentos, pois temos aqui a oportunidade de ver também as advertências de Deus o nosso Criador para com o seu povo (para com uma Nação Israelense do passado).

— O meu povo foi destruído, porque lhe faltou o “conhecimento”; porque tu rejeitaste o “conhecimento”, eu também te rejeitarei, para que não sejas sacerdote diante de mim; visto que te esqueceste da lei do teu Deus, também eu me esquecerei de ti e, dos teus filhos. (Bíblia Sagrada) Osé. 4: 6. Na verdade a humanidade de uma forma quase em geral, nunca para nem por um segundo para meditar na sua própria existência, de onde viemos, para onde vamos, quem nos criou, quem cuida de nós e, se nós olharmos com atenção para à frase bíblica que acabamos de ler, veremos que tudo isso por falta de conhecimento.  Aliás, a falta de conhecimento, vai além da nossa imaginação, pois um dos graves problemas ligados ao tão discutido conhecimento é a confusão que se faz com as palavras, conhecimento e sabedoria.

Pois a grande massa da humanidade ainda confunde, sabedoria com conhecimento. São muitos os que acham que o sábio é o que sabe tudo, e na verdade o sábio pode ser aquele que apenas sabe que não sabe, porém sabe que precisa aprender. Assim como o bom conhecedor não é o que decorou tudo e sim aquele que alcançou conhecimento, pois decorar não é conhecer. Ainda voltando à frase bíblica que acabamos de ler, nós tivemos ali a oportunidade de ler uma grande mensagem quando diz o próprio Deus profeticamente falando, o meu povo foi destruído porque lhe faltou conhecimento.

O tempo passou e, o Judaísmo de alguma forma foi-se esfacelando e, espalhando-se pelos quatro cantos da Terra e, se você olhar para o passado verá que Israel já foi uma Nação forte, um dia. Você lembra o que falou Jesus o Cristo quando começava a descer o Monte das Oliveiras em certa ocasião: — Jerusalém, Jerusalém, que matas os profetas e apedrejas os que te são enviados! Quantas vezes eu quis ajuntar os teus filhos, como a galinha ajunta os seus pintos debaixo das asas, e tu não quiseste! (Bíblia Sagrada) Mat. 23: 37. Na verdade não seria bem não quiseste, poderíamos bem traduzir o não quiseste, por não entendeste a mensagem, ou seja, porque lhes faltou conhecimento. E assim a humanidade vem a milhares de anos mergulhando no seu próprio sofrimento, e tudo isso por falta de conhecimento.

 

P 02

— Jesus dizia, pois, aos judeus que criam nele: Se vós permanecerdes na minha palavra, verdadeiramente, sereis meus discípulos e “conhecereis” a verdade, e a verdade vos libertará. (Bíblia Sagrada) Joã. 8: 31 – 32. Eu particularmente já tive a triste oportunidade de ouvir um ministro do evangelho, pregar o seguinte; esse negócio de conhecereis a verdade e, a verdade vos libertará, não tem importância nenhuma: E então em outras palavras ele explicou o que na verdade tem importância. Disse ele, importante para o ser humano é andar de joelhos no chão, morto de fome e, com uma cruz nas costas, isso sim é importante, disse ele. A minha pergunta ainda é, será por isso que a própria Bíblia Sagrada nos ensina que muitos de nós não devemos ser mestres?

— Meus irmãos, muitos de vós não sejam mestres, sabendo que nós os mestres “receberemos muito mais duro juízo”. (Bíblia Sagrada) Tia. 3: 1. Pois chegará o dia de prestarmos conta, das nossas vidas e das vidas dos que aprenderam conosco, se lhes ensinamos corretamente seremos recompensados, nós os mestres alcançaremos a vida eterna e, eles também, porém, se os ensinamos erradamente eles irão para a perdição e nós os mestres também. O escritor aos Hebreus ainda nos reforça essa tese quando nos diz o seguinte:

— Obedecei a vossos pastores e sujeitai-vos a eles; porque velam por vossa alma, “como aqueles que hão de dar conta delas”; para que o façam com alegria e não gemendo, porque isso não vos seria útil. (Bíblia Sagrada) Heb. 13: 17. — “Examinais” as Escrituras, porque vós cuidais ter nelas a vida eterna, pois são elas que de mim testificam. (Bíblia Sagrada) Joã. 5: 39. A Nação Israelense, um povo que tinha de certa forma cuidados direto de Deus o nosso Criador, tinha também a obrigação de conhecer a sua palavra, os seus mandamentos. Porém se nós olharmos para os nossos dias veremos uma grande parte da humanidade formada em faculdade, e outra grande parte cursando a mesma.

E, no entanto, nunca vimos tanta desobediência às leis e as ordens que temos para cumprir. Meu caro leitor(a) dê só uma olhadinha para um povo que vivia há três mil anos a trás, onde tudo era da maior precariedade. Onde imperava o analfabetismo, consequentemente a falta de comunicação, pois nos templos não havia equipamentos de som para se transmitir mensagens às grandes multidões. E ai eu pergunto, como aquele pobre povo iria adquirir conhecimento, se não havia como ser assim transmitido. — Toda “Escritura divinamente inspirada é proveitosa” para ensinar, para redarguir (repreender), para corrigir, para instruir em justiça, para que o homem e a mulher de Deus sejam perfeitos e perfeitamente instruídos para toda boa obra. (Bíblia Sagrada) II Tim. 3: 16 – 17.

Como você acabou de ler, a Nação Israelense tinha poucas oportunidades para adquirir conhecimento, porém você e eu no mundo em que vivemos, temos oportunidade de sobra, o que poderá nos faltar é o mínimo de boa vontade. — Quarenta anos estive desgostado com esta geração e, disse: é um povo que erra de coração e não tem “conhecimento” dos meus caminhos. (Bíblia Sagrada) Sal. 95: 10. Esta frase nos fala muito rapidamente, da temporada em que a Nação Israelense passou pelo deserto, indo do Egito para a Palestina.

 

P 03

Aqui nós temos a oportunidade de ver o Senhor nosso Deus cobrando e, o povo pagando com a própria vida pelo fato de não ter alcançado conhecimento. Pois a história nos conta que toda a Nação Israelense morreu durante os quarenta anos em que o povo passou pelo deserto. É bom explicar que a Nação Israelense que chegou à Palestina, era composta de gente que nasceu no deserto durante a caminhada, pois toda a população que saiu do Egito exceto duas pessoas, morreu no deserto, antes de chegar à Palestina. E como você teve a oportunidade de ler, por falta de conhecimento dos valores do Senhor seu Deus.

— Até quando, ó néscios, (ignorantes) amareis a necessidade (ou seja, a (ignorância)? E vós, escarnecedores, desejareis o escárnio? E vós, loucos, aborrecereis o “conhecimento”? (Bíblia Sagrada) Pro. 1: 22. Quando se fala de conhecimento, na verdade o que mais complica é o lado financeiro, pois muitos estão sim interessados em aprender tudo sobre as Sagradas Escrituras, desde que este conhecimento lhes possa proporcionar um empreguinho de pastor e, um bom salário, em uma grande Igreja. Porém ficar ai estudando, pesquisando, aprendendo, ensinando e agradando a Deus com o seu conhecimento, isso na verdade não dá lucro nenhum, e para que serve?

Porém na última frase bíblica que acabamos de ler, tivemos a oportunidade de ver o grande Rei Salomão chamando de loucos, os que desprezam o conhecimento, muito especialmente o que vem da parte de Deus. — Porquanto aborreceram o “conhecimento” e não preferiram o temor do SENHOR; não quiseram o meu conselho e desprezaram toda a minha repreensão.  Portanto, receberão a recompensa merecida e, sofrerão as consequências da sua ignorância. (Bíblia Sagrada) Pro. 1: 29 – 31. O mesmo Rei Salomão, um pouco mais a frente nos faz saber o seguinte: – O temor do SENHOR é o princípio da sabedoria, e a ciência do Santo, a prudência.  (Bíblia Sagrada) Pro. 9: 10.

O que podemos ver aqui, é que são na verdade os sábios que por consequência são tementes a Deus, que vão em busca de todo conhecimento que podem alcançar.  E isso independente de quais quer circunstâncias, aprender tudo o que poder simplesmente pelo prazer de saber, esse é o homem e a mulher que têm prazer na lei do Senhor e, nela medita de dia e de noite. — Bem aventurado o varão que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores. (Bíblia Sagrada) Sal. 1: 1.

Eu, por exemplo, fico feliz quando os amigos elogiam o meu trabalho, porém, todavia, não é essa a recompensa que me satisfará, eu preciso de mais, muito mais, eu preciso ver o meu trabalho de alguma forma beneficiando a obra do Senhor meu Deus. E para isso eu preciso de todo conhecimento que eu poder alcançar. — Porque o SENHOR dá a sabedoria, e da sua boca vem o “conhecimento” e o entendimento. (Bíblia Sagrada) Pro. 2: 6.

Mais uma vez podemos reforçar a tese da diferença entre sabedoria e conhecimento: – E, se algum de vós tem falta de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá liberalmente e não o lança em rosto; e ser-lhe-á dada. (Bíblia Sagrada) Tia. 1: 5. Aqui nós aprendemos o seguinte, a sabedoria vem de Deus, mas o conhecimento somos nós que buscamos e alcançamos, com esforço e boa vontade.

 

P 04

— Porquanto a sabedoria entrará no teu coração, e o “conhecimento” será suave à tua alma. (Bíblia Sagrada) Pro. 2: 10. Qualquer que tem o mínimo de sabedoria fica demasiadamente feliz quando adquire o máximo de conhecimento, ele cabe no meu coração e, pode caber no seu coração também. — Bem-aventurado o homem e a mulher que em Deus encontra sabedoria, e através dela adquire “conhecimento”. (Bíblia Sagrada) Pro. 3: 13. Como podemos ver, a palavra conhecimento continua fazendo falta em nossas vidas, os nossos corações continuarão vazios, exatamente por falta de conhecimento. — Em justiça são todas as palavras que saem da minha boca diz o Senhor; não há nelas nenhuma coisa tortuosa nem perversa. Todas elas são retas para os que bem as entendem e, justas para os que acham o “conhecimento”. (Bíblia Sagrada) Pro. 8: 8 – 9.

Por incrível que passa parecer, no mundo em que vivemos até existe alguma preocupação em se adquirir conhecimento, desde que o mesmo não tenha nenhuma ligação com as coisas relacionadas com Deus. Pois isso caracteriza religião e religião geralmente é coisa para gente simples, para crentes, para idiotas. Porém a frase bíblica que acabamos de ler nos conforta, nos anima a prosseguirmos em busca de mais conhecimento a cada dia que passa. Se nós olharmos com atenção para cada palavra que sai da boca de Deus, veremos que em cada uma delas Ele nos incentiva a correr atrás de mais conhecimento. — Aceitai a minha correção, não a prata e, nem o ouro como segurança financeira, busque sim “conhecimento” mais que qualquer outra coisa neste mundo. (Bíblia Sagrada) Pro. 8: 10.

Eu por exemplo costumo dizer o seguinte: Não deixe para o seu filho(a) uma mansão e nem um barraco como herança, deixe sim no mundo de hoje uma formação universitária, pois patrimônios em quaisquer crises podem se perder, mas o diploma permanecerá pendurado na parede e o conhecimento no coração dele, ou dela. As Sagradas Escrituras ainda nos advertem, para o perigo da sabedoria proveniente inteiramente deste mundo, sabedoria esta que muitas vezes não tem aprovação de Deus. — Quem dentre vós é sábio e inteligente? Mostre pelo seu bom trato, as suas obras em mansidão de sabedoria. Mas, se tendes amarga inveja e sentimento faccioso em vosso coração, não vos glorieis, nem mintais contra a verdade. Essa não é a “sabedoria que vem do alto, mas é terrena, animal e diabólica”. (Bíblia Sagrada) Tia. 3: 13 – 15. 

O que acabamos de ler nos ensina algo como o seguinte: Podemos ser sim, santos, sábios, bem instruídos e mesmo assim podemos agradar ao Senhor nosso Deus de todo o nosso coração e, não precisamos com isso destruir nem o mundo em que vivemos e nem os que nos cercam. — O hipócrita, com a boca, danifica o relacionamento com seu próximo, mas os que alcançaram fé em Cristo Jesus alcançaram “conhecimento” e são libertos por ele. (Bíblia Sagrada) Pro. 11: 9. Se existe uma coisa difícil de fazer, é viajar à noite por uma estrada desconhecida e sem conservação. E mais uma vez temos a oportunidade de ver a palavra conhecimento fazendo falta em nossas vidas. A falta de conhecimento nos induz a errar em todos os segmentos, o jovem casal geralmente erra na sua própria formação, erra na criação dos filhos na formação da família, em si e, as consequências

 

P 05

geralmente são desastrosas. Infelizmente só depois da família destruída, é que o pobre casal descobre o quanto perdeu e, tudo isso por falta de conhecimento. Já tive a oportunidade de ver grandes empresas falirem após completarem cem anos de fundação e, você sabe por quê? Simplesmente por falta de conhecimento dos jovens administradores, pelo fato de a sua direção mal instruída, não ter acompanhado a evolução industrial. A coisa mais comum neste mundo é encontrar-se pessoas que acham que já sabem tudo o que devem saber e, ai nem mesmo tentando ensinar elas não aprendem mais. — Não repreendas o escarnecedor, para que te não aborreça; repreende o sábio, e amar-te-á. Dá instrução ao sábio, e ele se fará mais sábio; ensina ao justo, e ele crescerá em entendimento. (Bíblia Sagrada) Pro. 9: 9.

Baseando-nos nesta frase bíblica que acabamos de ler, aprendemos o seguinte: Sempre que encontrarmos alguém achando que já sabe, devemos sair de perto, pois se insistirmos em ensiná-lo, só iremos encontrar problemas. Tente ensinar o sábio e ele irá agradecer, porém não tente ensinar o ignorante, pois este irá resisti-lo. — Aquele que quer aprender gosta que lhe digam quando está errado; porém o tolo, ou seja, o insensato, não gosta de ser corrigido. (Bíblia Sagrada) Pro. 12: 1. É pena que isso, não faz parte do mundo animal, infelizmente isso faz parte sim da raça humana, somos nós, você e eu que temos esse problema. E por incrível que possa parecer, coisas dessa natureza, parece ser pior com os que se dizem religiosos, os que exatamente se julgam serem filhos de Deus e, talvez por isso, julgam-se donos da verdade, não aceitando assim a correção e desprezando o conhecimento.

 — O homem prudente não demonstra “conhecimento”, mas o insensato faz questão de mostrar o excesso de ignorância. (Bíblia Sagrada) Pro. 12: 23. Você meu caro leitor(a), já deve ter visto muito coisas dessa natureza, o sábio entendido, o cara cheio de valor cultural, geralmente lá canto só ouvindo e esperando para ver no vai dar, e meia dúzia de ignorantes lá meio do salão como que derramando um caminhão de estupidez. Isso é infelizmente falta de conhecimento, que em quaisquer áreas pode trazer complicações e, não edificar coisa alguma. — Todo ser humano prudente age com “conhecimento”, mas o insensato deixa vazar toda a ignorância. (Bíblia Sagrada) Pro. 13: 16.  Os tolos recebem o que a sua tolice merece, mas os ajuizados são recompensados com o “conhecimento”. (Bíblia Sagra da) Pro. 14: 18. Sinceramente, o que na verdade nem passa pela cabeça da humanidade de um modo quase que geral, é que Deus o nosso Criador tenha tanta preocupação conosco, especialmente se temos sabedoria, conhecimento, beleza, saúde, alegria, pois, no nosso bem viver ou não está à felicidade ou a infelicidade d,Ele.

Todavia a grande massa da humanidade acha que pelo fato de o Senhor nosso Deus ter nos criado e, ser responsável por nós, Ele é obrigado a nos encher de bens mesmo que não queiramos ou não tenhamos vontade de adquiri-los. Verdade é que antes de nós errarmos ou acertarmos nos foi dado o direito de escolha e, se temos o direito de escolher também temos o dever de procurar aquilo que nos fará bem ou mal. — O coração sábio sempre estará empenhado em alcançar “conhecimento”, mas a boca dos ignorantes sempre guardará estupidez. (Bíblia Sagrada) Pro. 15: 14. É aquilo que você leu no começo, sábio é na verdade aquele que é capaz de admitir que não sabe, porém sabe que precisa aprender.

 

P 06

No entanto o maior mal que existe no meio da humanidade, é o fato de não sabermos, não querermos aprender e, muitas vezes odiarmos os que sabem. — Conhecemos bem o valor do ouro e das pedras preciosas; mas a palavra falada por quem tem “conhecimento” é de um valor inestimável. (Bíblia Sagrada) Pro. 20: 15. É bonito ver e ouvir, pessoas falando do que realmente entendem, expressando seus conhecimentos, seus valores culturais. Por outro lado, chega a ser triste ver e ouvir pessoas que não têm nenhum conhecimento, tentando explicar algo, muito especialmente se este for complicado. E no fator religioso, aliás, o ponto talvez mais complexo que o ser humano teria para discutir, acaba sendo um ponto em que todo mundo julga-se entendido e a grande maioria tenta explicar, mesmo não tendo o menor conhecimento.

— Quando o zombador é castigado, as pessoas sem experiência aprendem uma lição. Quando se ensina o sábio, ele cresce em “conhecimento”. (Bíblia Sagrada) Pro. 21: 11. Na verdade aprendem com o sofrimento dos outros, aquelas pessoas inteligentes, pessoas que têm um, certo grau de instrução um, certo grau de conhecimento. Pois os insensatos, os ignorantes, não aprendem nem com o sofrimento dos outros e nem com o seu próprio sofrimento. Todavia sempre que se ensina o sábio ele aprende eu, por exemplo, sou da opinião que o livro deve ser lido até o fim, mesmo que depois de ler jogue-se ele no lixo, mas deve-se ler sim, o livro até o fim. É que com a leitura, eu sempre acabo aprendendo, na pior das hipóteses eu aprendo que o tal livro era ruim e, a leitura do mesmo de uma forma ou de outra acaba me trazendo conhecimento.

— Porventura, não te escrevi excelentes coisas acerca de todo conselho e “conhecimento”, para te fazer saber a certeza das palavras de verdade, para que possas responder palavras de verdade aos que te enviarem? (Bíblia Sagrada) Pro. 22: 20 – 21. Por incrível que possa parecer, olhando nós para a Bíblia Sagrada, temos a oportunidade de ver o Senhor nosso Deus demonstrando para conosco toda preocupação em que tenhamos o mínimo de conhecimento. Caminhamos para uma eternidade com Deus viveremos ao seu lado, faremos parte da sua existência e, o que tudo indica é que Ele nos quer cheios de sabedoria e conhecimento.  — Eu próprio, meus irmãos, certo estou, a respeito de vós, que vós mesmos estais cheios de bondade, cheios de todo o “conhecimento”, podendo assim admoestar-vos uns aos outros. (Bíblia Sagrada) Rom. 15: 14

 

 

 

Sem mais atenciosamente:

 

                                                 

 

                                                 Pr. Manoel Teixeira

              Associação Teológica Renascer

                     Site: www.asotera.com / E-mail: contato@asotera.com

                         Fone: (47) 3446-0031 / Cel. 9985-7616. (TIM)


 




Mais Matérias
:: Copyright © ASOTERA 2007 ~ Todos os Direitos Reservados ::
:: Site Desenvolvido Por Elite Y ::